Opções para o isolamento: STF tem publicações digitais gratuitas

Devido à pandemia da Covid-19, diversas bibliotecas suspenderam suas atividades presenciais, incluindo as consultas ao acervo físico/impresso. Neste contexto, a única alternativa para os usuários é o acesso remoto a bases de dados e publicações em formato digital.

Porém, diante do quadro de restrição orçamentária, a maioria das unidades de informação não dispõe de recursos para aquisição de e-books ou assinatura de plataformas digitais, e uma interessante opção são as obras disponibilizadas gratuitamente. Na área jurídica, a Livraria do Supremo possui vários títulos que podem ser baixados gratuitamente no site, entre eles os mais recentes volumes da Revista Trimestral de Jurisprudência,  a Constituição Federal atualizada até a Emenda Constitucional nº 106/2020 (conhecida como “Orçamento de Guerra”) e o Regimento Interno do Supremo Tribunal Federal. Algumas obras estão disponíveis também no formato de audiolivro (mp3), favorecendo a acessibilidade de pessoas com deficiência visual.

Nesses novos tempos, bibliotecários e auxiliares precisam se adaptar, aproveitando a oportunidade para desenvolver boas práticas e incrementar os serviços prestados.

Assim, as bibliotecas podem permanecer ativas durante a quarentena, cumprindo sua nobre missão de prover acesso à informação.

Lúcia Otero de Carvalho – Bibliotecária do TRT 1ª Região e integrante da diretoria do GIDJ/RJ.

Foto: Unsplash

 

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

cinco − quatro =