A partir do dia 1º de março de 2020 o ISBN (International Standard Book Number) deixa de ser emitido pela Fundação Biblioteca Nacional e passa a ser responsabilidade da Câmara Brasileira do Livro (CBL).

Desde de o mês de setembro de 2018 a CBL manifestou interesse em assumir a emissão do número de registro, o que vinha sendo avaliado pela Agência Internacional do ISBN, que é quem toma a decisão nesse caso.

Para mais informações, clique aqui.

Foto: Reprodução.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

4 + 14 =